Twitter Siloé

Teatro

 Somos como barro nas mãos do oleiro, que nos molda como um artista trabalha sua obra. Depois de prontos precisamos passar pelo fogo para nos solidificar.

Docilidade e entrega faz com que o maior artista (Deus) faça de nós uma belíssima peça de arte. E quando passarmos pelo fogo seremos fortes e resistentes à dureza da vida.

Não desanime! É preciso recomeçar muitas vezes... Mesmo que seja entre suor e lágrimas. Coragem! Como artistas, Deus nos concede a graça de ministrar a alegria ao coração de seus filhos. Por este motivo os bispos, ao final do Concílio Vaticano II, dirigiram aos artistas uma saudação e um apelo: “O mundo em que vivemos tem necessidade de beleza para não cair no desespero. A beleza como verdade é que traz alegria ao coração dos homens. Este fruto precioso que ao passar do tempo une gerações e as faz comungar na admiração”.

O artista vive uma relação peculiar com a beleza. Num sentido muito real pode dizer-se que a beleza é a vocação à que o Criador o chama com o dom do talento artístico. ~ Papa João Paulo II

Usando este meio maravilhoso para evangelizar....

Leia a Bíblia Sagrada online